A funcionalidade do campo (autXML) é definir um grupo de pessoas físicas ou jurídicas autorizadas a acessar o XML:



Abaixo mostraremos como esta informação é contida no XML e como deverá ser informada no Json de requisição do Gateway:

No XML:
<autXML>

    <CNPJ>99999999999999</CNPJ>

</autXML>


No Json:
"autorizacaoDownloadXml": [{

        "cpfCnpj": "99999999999999"

    }],



Segundo o manual da SEFAZ é permitido informar até 10 grupos por vez, e em cada grupo pode-se informar apenas um CNPJ ou CPF.

No XML:
<autXML>

    <CNPJ>99999999999999</CNPJ>

</autXML>

<autXML>

    <CPF>12345678910</CPF>

</autXML>


No Json:
"autorizacaoDownloadXml": [{

       "cpfCnpj": "99999999999999"

   }, {

       "cpfCnpj": "12345678910"

   }],



A NF-e será disponível apenas para os terceiros cujo CNPJ ou CPF forem informados na tag autXML.


OBS: O bloco para passar as informações que irão preencher as tags do aut.XML é independente e deve ser informado na raiz do Json, conforme o print abaixo.




Qualquer dúvida, os canais de suporte estarão à total disposição.